Copy
Novembro 2015
 
 

"É através da comunicação que os seres humanos podem interagir uns com os outros e construir a sua identidade pessoal e social. Uma boa comunicação tem tudo que ver com conexão. Se você pode se conectar com outros em todas as esferas, seus relacionamentos se tornam fortes, sua percepção de comunidade melhora, sua habilidade de criar um trabalho de equipe melhora, sua influência e sua produtividade aumentam."  Arnaldo Auad

VEM POR AÍ
 

O ENExC 2015 está chegando!

          
 
O I ENExC acontecerá nos dias 25 e 26 de Novembro nos Centros de Educação (CE) e Núcleo Integrado de Atividades de Ensino (Niate/ CFCH- CCSA) da UFPE. 

A temática do I ENExC será "Extensão - História, Memória e Perspectivas" e tem como objetivo resgatar o contexto histórico em que a extensão surgiu em 1961, na então Universidade do Recife (hoje UFPE), com o Serviço de Extensão Cultural (SEC), criado para buscar e trocar conhecimentos com a sociedade. 

Aqueles que pretendem participar como ouvintes podem inscrever-se  através do email "enexc.ufpe@hotmail.com" até o dia 20 de novembro. 

Durante os dias do evento haverá uma Exposição Fotográfica sobre a trajetória histórica do ENEXT dos últimos quinze anos. A exposição exibirá memórias dos extensionistas e ocorrerá no Centro de Educação.

Mais informações:
2126-8633 / 2126-8609 | enexc.ufpe@hotmail.com
oext@ufpe.br

 
 

 3º Conferência sobre Tecnologia, Cultura e Memória
                    
                
Em sua terceira edição, a Conferência sobre Tecnologia, Cultura e Memória (CTCM) tem por objetivo promover o intercâmbio de conhecimentos e ideias sobre a preservação da memória e do patrimônio cultural numa época de tantas inovações e auxílios tecnológicos que é a contemporaneidade. O evento tem esse ano a temática "Curadoria em Rede: estratégias para gestão, preservação e acesso" e acontecerá entre os dias 25 e 27 de novembro, em auditórios da Biblioteca Central da UFPE, da ADUFEPE e com abertura no Instituto Ricardo Brennand.
 
Promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da UFPE e pelo laboratório do curso (Liber), o circuito acontece em paralelo a outros dois eventos: o fórum afro-brasileiro e o fórum da rede memorial.
   
     

A conferência bianual reúne pesquisadores, profissionais, estudantes e empreendedores do campo da gestão da informação, visando difundir conhecimentos de pesquisa, metodologias e tecnologias aplicadas a preservação da memória e do patrimônio cultural. A CTCM contará também com palestras de profissionais conhecidos nacional e internacionalmente, que procuram fortalecer a área de Ciência da Informação no geral, considerando sua amplitude e multidisciplinaridade. Uma dessas apresentações será ministrada pelo Dr. Christian Hottin - Chefe da Missão do património etnológico 2006-2010, responsável pela política em etnologia e patrimônio cultural imaterial na direção-geral de patrimônio do Ministério de Cultura e Comunicação da França.

Mais informações:
http://www.liber.ufpe.br/ctcm/
 

Espetáculo Woyzeck chega ao Teatro Joaquim Cardozo

                            
 
 "Clássico da dramaturgia universal, Woyzeck conta a história de um soldado raso, vítima de humilhações e incompreensões, envolvido em uma tragédia impactante, que adianta, em décadas, o expressionismo alemão do século XX, parte das preocupações do teatro épico de Brecht, sendo também antecessor do teatro do absurdo, conhecido somente a partir do final dos anos 1950 na Europa."

Durante os dias 07, 14, 21 e 28 de novembro, os estudantes de Licenciatura em Teatro da UFPE vão apresentar o trabalho de encenação do texto de Georg Büchner: Woyzeck, no Teatro Joaquim Cardozo, sempre a partir das 19hrs.

O espetáculo constitui a conclusão da disciplina "Laboratório de Encenação", ministrada pelo Professor Roberto Lúcio, e já foi exibido em fevereiro de 2015 no Teatro Milton Baccarelli (TMB), no Centro de Artes e Comunicação (CAC), e se tornou, posteriormente, um projeto de extensão.

Woyzeck tem duração de 100 minutos e classificação indicativa de 16 anos. Os ingressos têm o valor simbólicos de "Pague quanto puder"


Mais informações:
Página do evento 
teatrojcardozo@yahoo.com.br | telefone: 2126-7388
 
 

 III Fórum de Educação Integral de Pernambuco

                            
 
O III Fórum de Educação Integral de Pernambuco acontece nos dias 17 e 18 de Novembro de 2015 no Centro de Convenções, em Olinda. O evento tem como tema principal o diálogo entre “Educação e Cultura”, discutindo os desafios da Política e do Currículo. 

O III Fórum-PE está sendo organizado pelo Comitê Territorial de Educação Integral de Pernambuco, que tem a UFPE como parceira, representada pela colaboradora da PROExC, Flavia Campos Faria. 

 Mais informações:
 E-mail: comitepoliticaspublicaspe@gmail.com
 

"O Claro Caminho de Clara" entra em cartaz no Joaquim Cardozo
         
           
 
“Era uma vez Clara dos Anjos, uma menina que cansou de esperar pra crescer e decide ir atrás do lugar que lhe contaram: O lugar onde o rio se encontra com o mar, onde enfim ela poderia crescer. Mas esse lugar não fica nem um pouco perto, e ela precisará atravessar um caminho bem longo pra chegar até lá. E Clara seguirá, rindo, chorando, brincando, até se assustando enquanto se depara com as mais curiosas personagens, como uma menina que roubava livros, um inseto gigante, um menino com mania de explicação, uma menina muito brava com seu alérgico companheiro e um ser fantástico que mora nos ventos. Envolvida pelas coloridas e cristalinas luzes góticas, onde será que Clarinha vai chegar?” 

A peça surgiu do NUPETI, Núcleo de Pesquisa em Teatro para a Infância, incentivado pelo próprio teatro. Depois de um longo período de pesquisas neste tipo de linguagem teatral, o grupo decide construir um espetáculo inspirado nas vivencias de cada membro do elenco no período que eles eram crianças. A destemida personagem Clara dos anjos, por exemplo, simboliza a vontade de crescer que toda criança tem. Quem nunca teve que inventar uma doença para não ir a escola ou até mesmo para chamar atenção dos pais? O Dodoi Sem Sobrenome surgiu a partir de uma lembrança dessas. E os "porquês" da vida, pareciam que nunca teriam um fim. A vontade de descobrir coisas novas, a curiosidade, foi o que sempre instigou a perguntar o porque de tudo, querer explicação para tudo; sendo assim, todos irão encontrar o simpático Simplício da Simplicidade Simples.

O espetáculo será apresentado todos os domingos do mês de Novembro a partir das 16h, no Teatro Joaquim Cardoso. O ingresso custa R$ 15,00


Mais informações:
Facebook
teatrojcardozo@yahoo.com.br | telefone: 2126-7388

X Semana de Cultura e Paz na UFPE

          
 
Tendo como tema "Saúde e Paz: Equilíbrio Corpo e Mente" a 5° edição da Semana de Cultura de Paz da UFPE acontece nos dias 17 a 19 de Novembro, no auditório do Centro de Ciências Biológicas (CCB). O programa da Semana de Cultura de Paz trabalha os conteúdos da paz nos campos da Ciência, Espiritualidade, Pedagogia, Justiça, Comunicação e Família, tendo como objetivo fomentar a paz e disseminá-la dentro e fora do Campus da UFPE.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas 
aqui

A programação completa do evento pode ser conferida aqui

Mais informações:
E-mail: culturadepaz@ufpe.br

Departamento de Música realiza encontro 
sobre Educação 
Musical e Acessibilidade

                               

O I Encontro de Educação Musical e Inclusão acontece no período de 16 a 20 de Novembro nas mediações do Centro de Artes e Comunicação da UFPE (CAC). O evento contará com palestras, mesas-redondas, apresentações musicais, mini-cursos e oficinas sobre acessibilidade e  temas acerca da inclusão musical das pessoas com deficiência.

As inscrições para os mini-cursos e oficinas vão até o dia 15 de Novembro e já estão disponíveis no site do 
Departamento de Música. O cadastro para participar do evento também poderá ser realizado presencialmente na secretaria do Departamento. O Departamento de Música da UFPE conta com o apoio do LEMEI (Laboratório de Educação Musical Especial e Inclusiva) para realizar o evento.

Confira a programação completa do evento: http://migre.me/s0va5
Mais informações: 2126-8318
 

Gestão da Saúde Pública é tema de Congresso Internacional
  


"Gestão da Saúde Pública: desafios dos profissionais de saúde”, esse é o tema do O II Congresso Internacional Multiprofissional em Saúde de Pernambuco (II CIMSPE). Executando palestras e Circuitos Científico-Culturais, o congresso ocorrerá entre os dias 27 e 29 de Novembro de 2015 no Bairro do Recife Antigo.

O evento visa contemplar conhecimentos das categorias profissionais das Ciências Biológicas e das Áreas de Saúde, tais como Odontologia, Nutrição, Biomedicina, Educação Física, Enfermagem, Fisioterapia, Psicologia e Farmácia. Serão promovidos diálogos e atividades variadas pelos pontos turísticos da cidade do Recife, como uma Palestra sobre dança do ventre e seus benefícios à saúde e apresentações de teatro na rua pelas localidades da Sinagoga e da Torre Malakoff.

Simultaneamente ao CIMSPE, tendo como obeejtivo uma interação entre saúde e educação, ocorrerá o II Congresso em Práticas para Educação em Saúde cujo tema será "A gestão da Saúde Pública sob o olhar da Educação Básica: desafios contemporâneos”.

Congressistas interessados em submeter trabalhos podem fazer isso aqui.

Mais informações: Site do cimspe.

 

Acampamento Popular da Juventude reúne jovens
de todo o estado na UFPE

     
    

 
Durante o período de 16 a 19 de Novembro será promovido o "Acampamento Popular da Juventude- Campo e Cidade" nas mediações do campus Recife da UFPE. A ação tem como objetivo reunir jovens de todo o estado para debater o cenário político nacional, os desafios da construção de um país verdadeiramente popular e o papel  da juventude nesse processo de criação. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas aqui

Temas como os cortes no orçamento para a educação pública, o fechamento de escolas, a proposta de redução da maioridade penal e as formas de discriminação – racismo, machismo e LGBTfobia – permeiam a programação do evento. Serão promovidas mesas de diálogo, oficinas (de grafitagem, fotografia, fazine e outros) e atos políticos. 

O Acampamento é organizado pelas juventudes dos movimentos que compõem o campo popular, como o Levante Popular da Juventude, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) e a Pastoral da Juventude Rural (PJR), com apoio da UFPE. As pessoas que se interessarem em colaborar com o evento, podem fazer doações na "vaquinha" virtual através do
 link.

Mais informações: 
Página do evento

Nelson Saldanha em cartaz na Faculdade de Direito da UFPE

            
Tendo como título "As faces de um humanista: Nelson Saldanha" a exposição estreiou às 10h do dia 21 de Outubro no Espaço Memória da Faculdade de Direito (FDR) e segue até o dia 29 de Janeiro de 2016. A entrada é gratuita.
O professor Nelson Saldanha foi um dos mais importantes nomes da academia jurídica pernambucana, mas o seu potencial não se restringiu somente ao direito. Ele desenvolveu também trabalhos nas áreas filosófica e poética. A exposição tem como objetivo espelhar imagens, traços e facetas da personalidade de Saldanha. O evento está na programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia e é organizado pela Coordenação e Direção da Biblioteca da FDR com apoio da Proexc.

Mais informações:
Karine Vilela- Coordenadora da Biblioteca da FDR
Email:
 karine@ufpe.br
Telefone: 2126-7879
Espaço Memória : http://bit.ly/1ZIpq3Y
 

UFPE lança edital para acervos digitais
de pesquisa 
sobre povos originários do Brasil
 
    
 
Através da Secretaria de Políticas Culturais (SPC), o Ministério da Cultura (MinC) em parceria com a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) lançou no dia 28/10, em Porto Alegre (RS), o edital de pesquisa-ação com a temática “Povos Originários do Brasil” tendo em vista dar continuidade ao esforço para delinear uma política para acervos digitais da cultura.

Na UFPE, o edital propôs a seleção de projetos de pesquisa de ação em nível nacional sobre a memória dos “Povos Originários do Brasil” com o objetivo de incentivar e apoiar a coleta, recuperação, conservação e disponibilização para o acesso público de acervos de interesse científico e cultural de bens do patrimônio indígena brasileiro, permitindo assim maior acessibilidade à geração de conhecimento no âmbito da cultura dos povos originários do país - fundamental para a formação do país.  O edital está sob a coordenação do Professor Marcos Galindo, Diretor de Cultura da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (PROExC). 
Serão disponibilizados recursos de aproximadamente R$ 1,4 milhão, oriundos do Fundo Nacional de Cultura (FNC), e poderão apresentar propostas pesquisadores vinculados a instituições de caráter científico ou tecnológico. Os projetos aprovados poderão receber recursos de até R$ 80 mil e serão destinados exclusivamente ao pagamento de bolsas de pesquisa na modalidade auxílio ao pesquisador.


Data limite para submissão das propostas: 10/01/2016
Confira o edital aqui.

Mais informações:

povosoriginariosdobrasil@ufpe.br
ACONTECEU
 

Mês da Consciência Negra: Neab promove seminário sobre Educação
e Relações Étnico-Raciais no Brasil 


            
 
O Núcleo de Estudos Afro-brasileiros (Neab) da UFPE promoveu o VI Seminário Educação e Relações Étnico-Raciais Consciência Negra. O evento aconteceu no dia 11 de Novembro no Hall e Auditório do Centro de Educação (CE) da UFPE. A programação contou com mesas, oficinas e palestras.

Mais informações:
https://pt-br.facebook.com/neab.ufpe

PROExC participa do Fórum Nacional de Pró-Reitores de Extensão

           
         
Durante os dias 4 a 6 de Novembro ocorreu o XXXVIII Encontro Nacional do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Universidades Públicas Brasileiras (FORPROEX), sob a realização da Pró-reitoria de Extensão da Universidade Federal da Paraíba, na cidade de João Pessoa. A PROExC se fez presente no encontro com a participação da Pró-Reitora e Diretora de Extensão , Christina Nunes e Juliana Oliveira, junto à representantes do GT Curricularização da Extensão, o Coordenador Setorial de Extensão do CFCH e Coordenador do GT, Prof. Ricardo Medeiros, e o Técnico Admnistrativo e Educacional, Lenivaldo de Oliveira Júnior, da PROACAD.
 
O FORPROEX abordou dois temas frequentemente pautados na extensão da PROExC: a Inclusão da Extensão nos Currículos da Graduação e os Indicadores de Avaliação da Extensão Universitária.  Temáticas que alavancam a luta do FORPROEX por uma política de financiamento junto ao MEC.
  
“As discussões do Fórum sinalizam que a extensão na UFPE está alinhada com a Política Nacional de Extensão Universitária, que reconhece a inserção da extensão no processo de formação acadêmica e com o Plano Nacional de Educação, na busca da implementação da Meta 12, estratégia 12.7, que define 'assegurar, no mínimo, 10% (dez por cento) do total de créditos curriculares exigidos para a graduação em programas e projetos de extensão universitária, orientando sua ação, prioritariamente, para áreas de grande pertinência social'” afirmou Christina Nunes.

Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros promoveu Ciranda da Leitura no CE

             

O Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros (Neab) e o Centro de Educação (CE) da UFPE realizaram a Ciranda da Leitura  nos dias 26 a 28 de Outubro. O evento, aberto ao público, contou com uma programação variada e gratuita. 

Na segunda-feira (26), das 14h às 18h, houve a exibição do filme “Clube da Leitura”, no auditório do centro, sob coordenação dos professores Karina Valença e Teresa Didier. Ainda no dia 26, às 19h, na sala 12, foi realizada a oficina de construção de bonecas negras com a professora Auxiliadora Martins.

Na terça (27), das 14h às 18h, no hall do CE, a Oficina de Leitura sobre Carolina Maria de Jesus foi ministrada por Danyelle Vieira e Tamires Carneiro. Na quarta-feira (28), das 14h às 18h, o sarau Voz Poética contou com a participação dos poetas Fred Caju, Pedro Américo de Farias, Wilson Freire e Clarissa Barbosa. Também houve a entrega de livros para os primeiros participantes, sob a coordenação das professoras Socorro Nunes e Dayse Moura. 

A Ciranda da Leitura tem como objetivo fomentar o gosto pela leitura nos estudantes universitários e a construção de acervos pessoais de livros, fortalecendo o letramento de resistência de sujeitos historicamente marginalizados e excluídos do acesso à leitura e à escrita. 

Mais informações:
Núcleo de Estudos Afro-Brasileiros-
 neab.ufpe@gmail.com

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia
leva exposições científicas ao Cecine


             

Em sua 12° edição a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) mobilizou 34.575 atividades em todo país durante o período de 19 a 25 de Outubro. A UFPE não ficou fora do evento e realizou durante a semana ações em todos os campi da Universidade. A exposição científica no Coordenadoria de Ensino e Ciência do Nordeste (Cecine) ilustrada abaixo fez parte da programação da SNCT.

   

Mais informações pelos telefones: 2126.8134 / 2126.8609 / 2126.8633
Cecine: www.cecine.ufpe.br
Site oficial: http://semanact.mcti.gov.br
 

Semana da Música celebrou os 45 anos do Movimento Armorial

             

Tendo como tema "Movimento Armorial: 45 anos", a Semana da Música da UFPE, que este ano aconteceu entre os dias 18 e 25 de outubro, promoveu mais de 50 shows e concertos no Campus Universitário do Recife, de Vitória, no Museu Paço do Frevo e na Igreja Madre de Deus. Além das apresentações, foram realizadas palestras e mesas-redondas no Centro de Artes e Comunicação da Universidade.

O evento foi organizado pelo Departamento de Música da UFPE e contou também com a mostra de trabalhos de professores, alunos, ex-alunos, e músicos convidados. Um dos trabalhos apresentados foi o projeto "Cartas Brasileiras", que consistiu na realização de Saraus, com leituras dramatizadas de cartas escritas por personagens destacados na história, arte e política brasileiras, além da presença de peças musicais feitas por piano, canto e percussão. Cada apresentação musical presente na Semana teve uma ou mais peças de caráter Armorial ou que possuíssem características estéticas ligadas ao gênero, com duração de 30 a 60 minutos cada.

“A Arte Armorial Brasileira é aquela que tem como traço comum principal a ligação com o espírito mágico dos "folhetos" do romanceiro popular do Nordeste (Literatura de Cordel), com a música de viola, rabeca ou pífano que acompanha seus "cantares", e com a Xilogravura que ilustra suas capas, assim como com o espírito e a forma das Artes e espetáculos populares com esse mesmo Romanceiro relacionados”. (Ariano Suassuna)


Mais informações:
Página do evento: 
https://goo.gl/tb6xoo
Departamento de Música: 81 21268308 (fone/fax)/ 81 21268318


 

Projeto Cavinho leva crianças ao Espaço Ciência
 
                               
O projeto “CAVinho: Projetando o Futuro”, do Centro Acadêmico de Vitória de Santo Antão (CAV), que busca desenvolver ações de educação e cidadania para crianças que moram no entorno do Centro, promoveu, no último dia 27 de outubro, uma visita ao Espaço Ciência. Ao todo, participaram da visita dez crianças com idade entre 08 e 13 anos (com autorização dos pais), uma avó, um mãe, além de oito discentes do curso de Ciências Biológicas do CAV.

                

Na ocasião, as crianças tiveram a oportunidade de conhecer as áreas: Água, Terra e Espaço. No ambiente destinado a conhecimentos sobre Água, foi apresentada a importância do bem natural para a manutenção da vida e geração de energia, sendo ainda possível conhecer a estrutura de uma hidrelétrica através de uma réplica miniatura.

Na área Terra, pôde-se visualizar um pouco da História do planeta, contada através de uma linha do tempo para representar desde a criação dos planetas no Big Bang, até os dias atuais. As crianças também vibraram ao ver estátuas de dinossauros e as cavernas onde residiam os homens pré-históricos. Por fim, conheceram o planetário e tiveram uma aula sobre os planetas que o compõem.
 

Espetáculo Complexo de Cumbuca marcou presença
no Teatro Joaquim Cardozo

                          
 
 Abordando os diversos aspectos da vida amorosa e sexual de um jovem gay, a peça "Complexo de Cumbuca" é um monólogo baseado em experiências de afeto, descobertas e frustrações de um rapaz que analisa, a partir disso, as formas de se relacionar no mundo atual. Foi a partir desse ambiente de intimidade, relato e sexualidade, que a produção do grupo Teatro de Fronteira marcou presença no Joaquim Cardozo de 2 a 24 de outubro (sextas e sábados, sempre a partir das 20h), com ingressos no valor de R$20 (inteira) e R$10(meia). 

O solo performático já circulou por festivais e mostras como a 8ª Semana de Cênicas da UFPE, o 21º Janeiro de Grandes Espetáculos – Festival Internacional de Artes Cênicas de Pernambuco e a 8ª Mostra Capiba de Teatro do SESC, além de ter feito apresentações em São Paulo.

Ficha técnica:
Performer: Rodrigo Cavalcanti
Encenação: Rodrigo Dourado
Orientação Cênico-Dramatúrgica: Wellington Júnior
Produção: Rodrigo Cavalcanti
Assistência de Produção: Talita Paes
Design e Execução de Luz: Carol Corrêa / Mariáh Jimenez
Execução Projeção e Sonoplastia: Rhayan Gomes
Imagens: Agência Rodrigo Moreira / Bernardo Teshima / Ricardo Maciel
Edição de Imagens: Agência Rodrigo Moreira / Bernardo Teshima / Ricardo Maciel
Vídeos: Marília Sobral / Ricardo Maciel
Edição de Vídeos: Ricardo Maciel
Registro Fotográfico/Audiovisual: Ricardo Maciel
Projeto Gráfico: Arthur Canavarro / Bernardo Teshima
Assessoria de Imprensa: Cleyton Cabral

Mais informações:

https://www.facebook.com/teatrodefronteira
teatrojoaquimcardozoufpe.blogspot.com
teatrodefronteirape@gmail.com
teatrojcardozo@yahoo.com.br / telefone: 2126-7388
 
 

Mostra "Bosque" traz ilustrações pictóricas à galeria do CAC

                                  
 
A exposição Bosque, da artista plástica Velicastelo, estudante da UFPE, entrou em cartaz na Galeria Capibaribe, no térreo do Centro de Artes e Comunicação da Universidade (CAC), no dia 3 de Outubro. Velicastelo traz quinze ilustrações em preto e branco, usando nanquim e tinta acrílica. A mostra pode ser conferida até o dia 13 de Novembro e conta com mediação cultural das 8h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta-feira.

Contemplada no edital da Pró-Reitoria de Extensão e Cultura (Proexc) 2014-2015, a exposição tem curadoria do professor do Departamento de Teoria da Arte e Expressão Artística da Universidade, Mário Sette. “A complexidade dessa exposição passa pela experiência da contemplação interativa com cada elemento pictórico e com a formação espontânea de um contexto para ela. Jorge Luis Borges se manifesta pela criação de uma causalidade de caráter mágico ligando os acontecimentos ao decorrer de uma narrativa desse tipo”, afirmou o curador.

Ainda segundo Mário Sette, Velicastelo se expressa no bidimensional com quadros como ilustrações, como uma imagem utilizada para acompanhar, explicar ou interpretar um texto. Geralmente essas imagens têm a função de acrescentar, sintetizar ou até apenas dar um sentido decorativo à obra. Porém o texto não existe.
“Numa linguagem pictórica, passeando na fronteira que desafia os conceitos de desenho e de pintura, percebemos ausências fundamentais como a de cores e tonalidades: o preto é aplicado sobre o branco ou o branco se impõe sobre o preto. São valores atonais, não existem os cinzas neutros. Em seguida, enfatizamos a ausência do próprio texto. Suas ilustrações não estão associadas a texto. O quadro passa a ser uma ilustração aberta à interatividade. Ela ilustra um texto que deve ser compartilhado com o observador”, definiu.

Mais informações:

https://www.facebook.com/velicastelo 

Diretoria do Centro de Artes e Comunicação: 
Fone: 
(81) 21268319 E-mail: dircac@ufpe.br
 

Campanha reforça importância do uso do nome social na UFPE

                                          

Dezesseis pessoas, dezesseis histórias e dezesseis nomes dão corpo e forma à campanha "Meu nome importa", que desde 24 de Setembro vem sendo promovida  nos campi da UFPE com cartazes, banners, faixas e vídeos desses 16 personagens. O objetivo da Campanha é sensibilizar, informar e conscientizar a comunidade acadêmica da UFPE sobre a importância do respeito ao uso do nome social e do banheiro por travestis, transexuais, transgêneros e intersexuais de acordo com suas preferências.

A ação está em consonância com a Portaria Normativa nº 3, de 23 de março de 2015, que regulamenta a política de utilização do nome social e uso do banheiro para as pessoas que se autodenominam travestis, transexuais, transgêneros e intersexuais. Na página do
Facebook da Campanha pode ser encontrada informações a respeito da solicitação do uso do nome social na Universidade.
 
     Participe do Notícias da PROExC

Tem sugestões de notícias sobre a Pró-Reitoria de Extensão e Cultura e quer compartilhar? Entre em contato através do e-mail proext.bureaudesign@ufpe.br.

 

 

Elias 02/11
Eliane 09/11
Lúcia 17/11

 

Facebook
Email
Twitter

Coordenação: Simone Germano
Colaboração: Ademara Thalyta, Camila Perazzo, Gustavo Ramos,
Michelle Bittencourt, Natalia Abdon e Vanessa Martins